Como escolher um bom sistema para brinquedotecas

 

Brinquedotecas são negócios que necessitam de um sistema apropriado para o controle do tempo de permanência das crianças.

 

Brinquedotecas, também chamadas de espaço kids, são espaços destinados ao entretenimento e desenvolvimento de crianças por meio de brinquedos e brincadeiras lúdicas. Essas atividades são sempre acompanhadas e controladas por monitores, que precisam estar sempre atentos à segurança das crianças.

Sistema para controle de brinquedotecas. Sistema de controle de permanência

 

 

As brinquedotecas surgiram, e têm se ampliado, como uma alternativa segura e confiável de lazer e estimulação para crianças, tendo os pais a certeza de que não estão simplesmente abandonando-as em um cantinho qualquer.

Como em qualquer tipo de negócio, para que uma brinquedoteca consiga o sucesso esperado, muitos cuidados precisam ser tomados desde a sua concepção: local, espaço, faixa etária que irá atender, horários, segurança, alimentação, custos, equipamentos, brinquedos, pessoal e controle e gestão do estabelecimento.

 

Sistema de gestão para parques

 

 

Diferentemente de um sistema desenvolvido para parques, onde os ingressos e passaportes são adquiridos antecipadamente (podemos dizer que são pré-pagos), um sistema para gestão de brinquedotecas precisa controlar o tempo de permanência das crianças no estabelecimento e, eventualmente, itens consumidos para alimentação e/ou venda de brinquedos ou lembrancinhas. Por isso podemos falar que a cobrança é pós-paga.

Esse controle de permanência é o ponto de partida e o foco comercial dos espaços kids.

O sistema deve controlar o tempo de permanência do momento em que os pais ou responsáveis trazem as crianças até a hora em que vierem buscá-las. O ideal é que o sistema possa ser configurado com regras diferentes, como por exemplo, para famílias que usam o serviço periodicamente: uma vez por semana, 3 vezes por semana, todos os dias… Assim valores diferentes podem ser atribuídos às horas, permitindo, inclusive, uma melhor fidelização dos clientes.

 

Sistema de gestão para brinquedotecas e espaços kids. Controle de consumo

 

O sistema deve permitir também que seja realizada venda de alimentos, uma vez que a criança, dependendo do tempo de permanência, deverá tomar um lanche, querer um refrigerante ou outras coisas…

A brinquedoteca pode querer também disponibilizar para venda alguns dos brinquedos que as crianças gostaram durante sua experiência no local… Afinal, estamos falando de um estabelecimento comercial, não é mesmo? Se seu negócio investe em brinquedos diferenciados e educativos que não são facilmente encontrados no mercado, você poderia disponibilizá-los em uma lojinha!

Essas lojas de presentes e lembrancinhas são muito encontradas em parques de diversão, e oferecem a oportunidade de interação com a sua marca mesmo tempos após a experiência no parque ou brinquedoteca!

No fechamento da conta, todos os itens adquiridos são pagos juntamente com as horas utilizadas através de um software de frente de caixa.

 

Sistema de controle de tempo para brinquedotecas e espaços kids. Emissão de nota fiscal

 

E essa é uma grande diferença entre o sistema de controle de permanência (para brinquedotecas) e o sistema para parques de diversão, onde os ingressos são adquiridos antecipadamente, através de agências, pontos de venda externos, bilheterias ou sites de e-commerce.

Faço aqui esta comparação pois vemos que alguns clientes ficam na dúvida e procuram por um software para controlar catracas e venda de ingressos… Desta maneira, deixo aqui a observação: Softwares para brinquedotecas são pós-pagos, controlam o tempo de permanência e permitem a venda de alimentos e produtos. Os sistemas para parques são pré-pagos, e controlam as catracas de ingresso ao parque, excursões (escolares ou organizadas por agências), e festas contratadas por particulares ou empresas.

Os sistemas para parques também contemplam o controle de excursões e festas, coisa que uma brinquedoteca não utiliza.

 

Um parque pode também oferecer serviços de uma brinquedoteca. Para isso, ele precisará de um sistema que possua as funcionalidades dos dois sistemas integradas!

 

Sistema para controle de brinquedotecas. Identificação de crianças e responsáveis através de fotos

 

Mas uma funcionalidade muito importante que todo bom software de controle de brinquedotecas deve conter é o controle por fotografia, tanto dos pais quanto das crianças. SEGURANÇA EM PRIMEIRO LUGAR, SEMPRE! Ao chegar ao estabelecimento, deve ser realizado o cadastro da criança e do responsável, e inseridas as observações que são importantes para a realização do contrato, como se está ou não liberado o consumo de comida, por exemplo.

E, também muito importante, com todas as informações cadastradas no sistema, para garantir ainda mais a segurança, é importante que o sistema funcione em caso de queda do sinal da internet. Um sistema que funcione mesmo quando o computador está offline.

Os sistemas para parques também contemplam o controle de excursões e festas, coisa que uma brinquedoteca não utiliza.

 

Para saber mais sobre nossos sistemas, acesse:

Sistema de controle para brinquedotecas – https://vixenpdv.pwi.com.br/sistema-para-brinquedotecas/

Software de gestão para parques – https://pwi.com.br/volpeticket/

Share

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Contato

Rua Professor Carlos Reis, 39 – Pinheiros – São Paulo, SP – Fone: 11 2127-7676 – atendimento@pwi.com.br

Copyright © 2018 PWI - Todos os direitos reservados.Desenvolvido por: PWI WebStudio
Share